16 de dez de 2012

15º Arariboard + Furariboard

Mais uma vez, para registrar, jogatina em Niterói dia 2 de dezembro, com Carlos, Graça, Fabrício e eu, no restaurante Jambeiro.



Começamos a tarde com Alien Frontiers, jogo econômico de conquista espacial, usando alocação de dados. O jogo é bem legal, com diversas estações de trabalho espalhadas ao redor de um planeta. O jogador que tiver mais pontos de vitória vence, e eles podem ser conseguidos principalmente estabelecendo colônias no planeta, mas também através de domínio de área e cartas especiais.


O curioso neste jogo é que os pontos de domínio nunca são definitivos, se você perde o domínio de uma região, você também perde o ponto. Isso proporcionou uma super disputa ponto a ponto, sem sabermos quem era o vencedor até o último instante.


 Colocação
Carlos 9 pontos
Graça 7 pontos
           Fabrício 6 pontos
           Renata 4 pontos




Em seguida, foi a vez do Tobago. Jogo leve onde cada jogador deve conseguir o maior número de pontos de vitória desenterrando tesouros. Tobago é uma ilha, com miniaturas de estátuas misteriosas a la Ilha de Páscoa, com palmeiras, lindas praias, montanhas, rios e lagos.



Tudo serve de ponto de referência para encontrar os tesouros. Cada jogador acrescenta uma pista até que possa se saber a localização exata. Então, deve pegar seu jipe e chegar ao local antes dos outros. Todos que contribuiram para a localização dele, tem direito a cartas com tesouros. Mas, entre elas, pode estar a terrível maldição pirata!
Divertido, mas quando estava esquentando, o jogo acabou. Bem rápido, o que permite várias partidas para os mais empolgados.

Colocação
Carlos 38 pontos
Graça 34 pontos
           Fabrício 30 pontos
           Renata 22 pontos




Na quinta-feira seguinte, ainda rolou um Furariboard especial para jogarmos Cuba. Jogo que tinha comprado do Fel há séculos, mas ainda não tinha conseguido jogar. Carlos fez as honras da casa nos ensinando.

Inevitável as comparações com Puerto Rico, mas me perdoem os fanáticos, o deixa no chinelo. Jogo econômico excepcional. Cada jogador deve conquistar o maior número de pontos de vitória através da produção, comercialização e/ou exportação de mercadorias, construção de prédios e política. Sim, na ilha do senhor Fidel tem muita politicagem! A cada rodada são votadas leis que determinarão o valor dos impostos a serem pagos, as leis que regem a exportação, entre outras peculiaridades.



A quantidade de prédios disponíveis que lhe dão benefícios, e o modo de alocá-los em sua fazenda gera uma quantidade infinita de possibilidades. Isso dá ao jogo uma duração bastante longa, mas nem por isso é cansativo.

A contagem de pontos foi alternada durante todo o jogo, permitindo recuperações. A última rodada foi eletrizante na disputa pelos últimos pontos disponíveis, e todos com uma pontuação bem próxima. Jogaço, fiquei muito feliz com a aquisição.


Colocação:
Carlos 75 pontos
Graça 74 pontos
           Renata 71 pontos
           Fabrício 70 pontos

 E asssim Carlos fecha a semana como o grande campeão!



Nenhum comentário:

Postar um comentário